O que é Tuk-Tuk


tuk-tuk

O tuk-tuk é um pequeno veículo de três rodas criado na Tailândia, uma evolução dos antigos riquixás (pequena carruagem com duas rodas, puxada por uma pessoa), que carregam duas pessoas em um passeio intimista e simpático. Hoje é um dos mais populares meios de transporte do Sul e Sudeste asiático, mas podem ser encontrados em todos os continentes. Graças ao barulho do seu motor dois tempos ganhou este nome.

Nosso tuk-tuk vai levar você por uma deliciosa viagem pela Índia e pela Tailândia, com nossas refeições preparadas com todo o carinho, exclusivamente para você!

Quem Somos

A imensa importância de uma boa alimentação na vida das pessoas parece óbvia, mas tem sido negligenciada pelo setor alimentício, em especial nas Américas. O conceito tuk-tuk de “comer bem” inclui não apenas oferecer um prato saboroso, mas que ele seja o mais saudável possível, seguindo a tradição oriental.

Nossa carta de princípios ao elaborar nossos produtos inclui:

  • Uso mínimo de alimentos industrializados ou processados.
  • Uso de verduras, legumes e frutas frescos.
  • Utilizamos alimentos com pouca ou nenhuma gordura trans.
  • Utilizamos ingredientes com o baixo índice glicêmico, de modo a evitar o aumento de açúcar no sangue.
  • Uso ponderado de sal mantendo baixo o teor de sódio.
  • Não utilizamos conservantes e aromatizantes artificiais.
  • Priorizamos alimentos que facilitem a digestão e não deixem aquela sensação de “peso no estômago”.
  • Oferecemos novas sensações, delicadas ou intensas, fazendo do ato de se alimentar um prazer saudável.

Segue abaixo uma lista com os principais ingredientes utilizados em nosso cardápio e suas respectivas propriedades nutricionais:

Culinária Indiana

  • Cebola: É um alimento que apresenta propriedades anticarcinogênicas e antioxidantes, devido a presença de flavonóides que agem combatendo radicais livres, evitando desta forma o envelhecimento precoce.

  • Tomate: É considerado um alimento funcional por conter o composto licopeno, um antioxidante, que exerce atividade no combate as doenças degenerativas no organismo humano. Em um estudo publicado no Jornal Internacional do Câncer, pesquisadores concluíram que o licopeno também protege contra o câncer de boca, esôfago, estômago, cólon e reto além do câncer de próstata.

  • Leite de coco: Apresenta como principais componentes funcionais os seguintes minerais: fósforo, cálcio e potássio, os quais auxiliam na saúde óssea e no equilíbrio eletrolítico nas células. Também apresenta triglicerídeos de cadeia média que podem favorecer a redução de gordura abdominal quando utilizados em quantidades adequadas.

  • Castanhas, nozes e sementes: Estes alimentos contêm teores consideráveis de fitoesteróis, que apresentam estrutura química similar ao colesterol, e por isso, podem inibir sua absorção intestinal e reduzir o LDL (colesterol ruim) e o colesterol total plasmáticos.

  • Cravo, canela, cominho, gengibre, pimentas: As especiarias possuem em comum, como principais propriedades funcionais, ação anti-inflamatória, antioxidante, anticarcinogênica e antibiótica. Já a pimenta e o gengibre possuem efeito termogênico (aumento da taxa metabólica), o que pode favorecer a queima de gordura corporal.

Culinária Thai:

  • Manjericão e hortelã: Apresentam compostos fenólicos, com ação antioxidante, que atua na redução do estresse oxidativo e redução do colesterol plasmático.

  • Abacaxi: Rico em vitamina C e fibras, fato que induz ao aumento da imunidade e melhora do transito intestinal. O abacaxi ainda apresenta compostos anticarcinogênicos.

  • Tamarindo: Destaca-se pela presença de antioxidantes e anti-radicais-livres, componentes que previnem o envelhecimento precoce, além de ser rico em potássio, importante para o equilíbrio eletrolítico das células reduzindo desta forma inchaços corporais, e em cálcio que fortalece os ossos.

  • Ghee: É utilizado na culinária em substituição às manteigas, margarinas e óleos vegetais. Características: os componentes alérgicos do leite de vaca são destruídos e a proteína é desnaturada, o Ghee é fácil de digerir e facilita a digestão dos outros alimentos. Consegue ligar-se ao radicais livres (ainda melhor que a vitamina C, vitamina E, e Beta-caroteno. Tem efeito desintoxicante, eliminando as toxinas lipossolúveis ambientais e corporais. Ótimo meio de transporte para substâncias curativas, vitaminas lipossolúveis, sais minerais. Deixa as articulações bem elásticas. Usado em dose moderada reforça o sabor dos alimentos. Aumenta a produção dos sucos gástricos.


Veja também:

Entrevista com Chef: Yuri Orgutsova