O buffet de sopas do Tuk-Tuk privilegia as cozinhas irmãs, indiana e tailandesa e já está marcando presença nos principais guias de Curitiba. Funcionando desde abril, quando o Tuk-Tuk estendeu seu horário, passando a atender das 11h30 às 21h30, o buffet já ganhou adeptos de peso, como o jornalista André Bezerra, da Revista Tutano Gastronomia. Bezerra foi o primeiro a indicar o Tuk-Tuk como um dos melhores lugares para se curtir sopas na cidade.

Veja no link:

https://tutanogastronomia.com.br/colunas/onde-comer-sopa-em-curitiba-por-andre-bezerra/

O buffet conta sempre com cinco opções fixas, as indianas Rasam (caldo de tamarindo e especiarias) , Tamatar Shorba (tomate e especiarias) e Sambar (ensopado de legumes e lentilha picante)  e as tailandesas Tom Kha (caldo de coco temperado com gengibre e frango ou cogumelos) e Tom Yam (caldo de capim limão com tofu ou camarão). Algumas mais outras menos picantes. Entre os acompanhamentos preferidos estão os pães naam (assado no forno de barro tandoor) e chapati (frito na frigideira de ferro) e o biscoito crocante tailandês. O restaurante não vende bebidas alcoólicas, e já é um costume que os clientes levem seus próprios vinhos ou cervejas, são fornecidos taças e copos gratuitamente e não há cobrança de rolha. As bebidas da casa são o chai (uma dose de 50 ml grátis ou garrafinhas à venda), o chá tailandês, a água (grátis) e o lassi, bebida de frutas à base de iogurte, perfeitas para amenizar a ardência da pimenta, muito utilizada tanto na cozinha indiana quanto tailandesa. O preço do buffet é de R$ 40 por pessoa.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Nenhum texto alternativo automático disponível.